Pensar Enlouquece. Pense Nisto.



Post pós-réveillon

Comi lentilha, mas esqueci de guardar as sementes de romã, como se fizessem alguma diferença.

Os balões que antes estavam pregados no teto murcharam e agora fazem companhia aos meus pés no chão.

Êta diazinho bunda. Chuva digna de dia de Finados.

Mulheres usam calcinhas novas para dar sorte. Vale a mesma coisa para homens? Tantufas, passei o ano novo com cueca velha e fingindo indiferença a essas superstições bestas, mas que quase todo mundo segue.

Os prédios que apinham o horizonte das imediações da Paulista impediram-nos de vislumbrar qualquer coisa dos fogos que estralejavam no céu. Ah, essa falta de horizontes é o que mata.

E no entanto foi um réveillon bacana, ao lado de uma pessoa com quem compartilhei e ainda compartilharei muitas histórias pra contar.

(enquanto isso, o jukebox da minha cabeça insiste em cantarolar os mesmos versos de Raul Seixas:

"Todo jornal que eu leio
Me diz que a gente já era
Que já não é mais primavera
Oh baby, oh baby
A gente ainda nem começou
Baby, isso só vai dar certo
Se você ficar perto
"

... e não poderia haver trilha sonora mais adequada nem versos mais apropriados.)

Baby, a gente ainda nem começou.

Escrito por Inagaki às 14h16
[ ] [ envie esta mensagem ]



2003

Duplo twist carpado. Lula tomou posse. Romário bateu no torcedor. Belo, que coisa feia. Você participou de uma flash mob? Mataram Marcinho VP. Tô nem aí, tô nem aí. O Papa não morreu. Haroldo de Campos desnasceu. Espetáculo do crescimento? A pomada de Maurren Maggi. Saddam Hussein saiu do buraco. Freedom fries. Schwarzenegger governador da Califórnia. O Brasil conheceu Sérgio Vieira de Mello. A Columbia explodiu. Terremoto no Irã. Preta Gil ficou pelada. Dóris maltratava os avós. Crazy in Love. Meligeni ganhou a medalha de ouro. Michael Jackson foi algemado. Silvio Santos não morreu, Roberto Marinho sim. Hebe Camargo mataria Champinha. A Sars assustou o mundo. Jogaram uma galinha preta na Martaxa. Jayson Blair inventava notícias. Rodrigo Santoro entrou mudo, saiu calado. Quer pagar quanto? Marc-Vivien Foe morreu no meio do jogo. Quem chega em Windhoek não parece que está em um país africano. Alexandre Pires chorou na Casa Branca. Ali Ismael Abbas perdeu o pai, a mãe, o irmão e os dois braços. Al-Sahaf, Ministro da Desinformação. Farah Jorge Farah esquartejou a amante. O resgate de Jessica Lynch foi forjado. Maria Rita foi hypada. Luana Piovani fuma e traga. Paris Hilton, musa pornô da Web. Celulares também servem pra telefonar? Michael Moore ganhou o Oscar. Explosão na Base de Alcântara. Tríplice coroa para o Cruzeiro. Experimenta, experimenta! Descobriram o THG. Morreu o chinês espancado na cadeia. Egüinha Pocotó. David Kelly foi suicidado? Operação Anaconda. 130 mil desempregados queriam ser garis. Os juros vão baixar? Ricardo Berzoini não gosta de velhinhos. Palmeiras e Botafogo não viraram a mesa. Maluf foi detido em Paris. Benedita da Silva viajou para a Argentina. Júnior amarelou no Corinthians. Britney e Madonna se beijaram, Clara e Rafaela também. Dhomini ganhou o Big Brother. Schumacher hexacampeão. Justin Timberlake popstar. Chineses vão ao espaço. O alemão comeu literalmente seu amigo da Net. O domingo ilegal do Gugu. A onda dos fotologs. João Gordo brigou com Dado Dolabella. Luciana Vendramini voltou. Heloisa Helena foi expulsa do PT. Gabeira sonhou errado? ACM grampeou o telefone da ex-namorada. Morreu Rolando Lero. Faltou luz em Florianópolis. O presidente da Bolívia renunciou. Ronaldo se separou da Milene. Onde estavam as armas de destruição em massa? Bush Jr. trouxe peru no Dia de Ação de Graças. A Parmalat faliu. William Bonner chorou no Jornal Nacional. Johnny Cash, the man comes around. Gabriela, sou da Paz.

2004 será melhor. Feliz Ano Todo!

Escrito por Inagaki às 13h52
[ ] [ envie esta mensagem ]



Quando eu era criança...

Não é fácil ser adulto. Basta dar uma passada de olhos pelas manchetes dos jornais para que o ceticismo corroa nossa alma: violência, desemprego, recessão, terrorismo. Às vezes é até uma tarefa inglória alimentar sonhos, quando estamos tão ocupados procurando maneiras de como arranjar dinheiro para pagar as contas no final do mês. Como diria meu amigo Mário, "a vida é que nem rapadura, é doce mas é dura".

É por essas e outras que admiro tanto as pessoas que, mesmo batalhando no dia-a-dia pela sobrevivência, conseguem manter viva a criança dentro delas. Não é tão difícil identificar alguém assim em meio à multidão acinzentada: procure por alguém com riso espontâneo, capacidade de rir de si mesmo, mousepad com estampa do Snoopy e que possua a mania de fazer origamis no meio do serviço ou encontrar nuvens com formato de Bart Simpson pairando no céu.

Imaginação, eis o diferencial. O aspecto que mais admiro na infância está na capacidade desconcertante que as crianças possuem em enxergar cada detalhe do dia-a-dia de maneira espontânea, talvez por ainda não terem sido bitoladas pela visão acachapante dos adultos. Porque uma criança possui a mente aberta, seja para acreditar em Papai Noel ou coelhinho da Páscoa, seja por recriar as coisas do mundo de acordo com o poder de sua imaginação.

Clique na figura e visite o excelente site I Used to Believe.Ins-pirado no site I Used to Believe, que descreve crenças e recordações infantis de internautas do mundo inteiro, faço a seguir um Top 10 de reminiscências e coisas nas quais acreditava quando era criança. Algumas lembranças podem soar tolas hoje, mas ao mesmo tempo me dão saudades de uma época na qual eu era menos cético e mais inocente.

* * * * *

1) Quando eu era criança, acreditava que as estrelas eram os olhos de Deus, que piscavam de vez em quando para a gente apenas para que soubéssemos que havia um cara lá em cima de olho nas traquinagens que aprontávamos.

2) Quando eu era criança, assistia aos desenhos do Ligeirinho e me encantava ao ver aqueles feijões mexicanos que pulavam sozinhos. Uma das maiores frustrações de minha infância foi essa: nunca comi feijões que pulam.

3) Quando eu era criança, meu pai dizia que eu devia cuspir longe as sementes de melancia, porque se engolisse uma delas por acidente nasceriam outras melancias dentro do meu estômago. Pensava comigo mesmo: "ué, será que é assim que as mães ficam grávidas?".

4) Quando eu era criança, mantinha sempre os meus olhos atentos ao chão, porque acreditava piamente que um dia encontraria uma lâmpada mágica igual à do Aladim. O único problema é que o gênio provavelmente só saberia falar árabe, e eu ficava angustiado pensando em como conseguiria me fazer entender. Aliás, eu tinha na ponta da língua o primeiro pedido que faria ao gênio: "quero que o senhor me conceda mais cinqüenta desejos!".

5) Quando eu era criança, assisti a uma reportagem sobre um tal "morto que riu". A matéria relatava que durante um velório um dos presentes resolveu tirar uma foto do morto dentro do caixão. No entanto quando ele foi revelar os negativos levou o maior dos sustos, porque o morto aparecera sorrindo na fotografia. Até hoje sinto calafrios toda vez que lembro da cara do finado (sim, o "Fantástico" exibiu o retrato do mesmo no final da matéria). A propósito, eu também tinha medo de qualquer reportagem apresentada pelo Hélio Costa.

6) Quando eu era criança, acreditava que sempre chovia nos dias de Finados. E que essa chuva era na verdade as lágrimas derramadas pelos mortos que ficavam emocionados ao ver suas famílias visitando (ou não) seus túmulos.

7) Quando eu era criança, minha mãe dizia que se eu imitasse um gago por mais de cinco minutos, ficaria assim para sempre. Desde então, toda vez que eu imitava um ga-ga-gago, ficava de olho no cronômetro do meu relógio digital e esperava até que dessem exatamente quatro minutos e cinqüenta e nove segundos, para cessar a brincadeira bem em cima do deadline.

8) Quando eu era criança, me apaixonei irremediavelmente pela Daphne da Turma do Scubidu. Talvez seja essa a razão da minha atração por ruivas, sejam elas pintadas ou não.

9) Quando eu era criança, morria de medo de ficar engasgado com uma bala Soft. Certo dia, batata: realmente me engasguei com uma que ficou entalada na garganta. Fiquei tão desesperado que comecei a correr estabanado pelos corredores da casa da minha avó procurando por ajuda; no susto, acabei engolindo a maldita. Nunca mais pus uma Soft na boca.

10) Quando eu era criança, não conseguia entender como funciona o tal do Amor (aliás, o adulto aqui continua sem entender patavina nenhuma). Ficava imaginando: "pôxa, mas e se a minha alma gêmea morar na Finlândia ou na Nova Zelândia? Como a gente vai fazer pra se encontrar?".

P.S.: versão remixada e remasterizada de antigo texto reeditado em formato de Top 10 especialmente para o site das Garotas Que Dizem Ni.

Escrito por Inagaki às 17h20
[ ] [ envie esta mensagem ]

 
Meu perfil





BRASIL, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, English, Cinema e vídeo, Arte e cultura, Cortázar, Carl Barks, Beatles, Hitchcock
ICQ - 16223430



Meu humor



Histórico
25/01/2004 a 31/01/2004
18/01/2004 a 24/01/2004
11/01/2004 a 17/01/2004
04/01/2004 a 10/01/2004
28/12/2003 a 03/01/2004
21/12/2003 a 27/12/2003
14/12/2003 a 20/12/2003
07/12/2003 a 13/12/2003
30/11/2003 a 06/12/2003
23/11/2003 a 29/11/2003
16/11/2003 a 22/11/2003
09/11/2003 a 15/11/2003
02/11/2003 a 08/11/2003
26/10/2003 a 01/11/2003
19/10/2003 a 25/10/2003
12/10/2003 a 18/10/2003
05/10/2003 a 11/10/2003
28/09/2003 a 04/10/2003
21/09/2003 a 27/09/2003
14/09/2003 a 20/09/2003
07/09/2003 a 13/09/2003
31/08/2003 a 06/09/2003
24/08/2003 a 30/08/2003
17/08/2003 a 23/08/2003
10/08/2003 a 16/08/2003
03/08/2003 a 09/08/2003
27/07/2003 a 02/08/2003
20/07/2003 a 26/07/2003
13/07/2003 a 19/07/2003
06/07/2003 a 12/07/2003
29/06/2003 a 05/07/2003
22/06/2003 a 28/06/2003
15/06/2003 a 21/06/2003
08/06/2003 a 14/06/2003
01/06/2003 a 07/06/2003
25/05/2003 a 31/05/2003
18/05/2003 a 24/05/2003
11/05/2003 a 17/05/2003
04/05/2003 a 10/05/2003
27/04/2003 a 03/05/2003
20/04/2003 a 26/04/2003
13/04/2003 a 19/04/2003
06/04/2003 a 12/04/2003
30/03/2003 a 05/04/2003
23/03/2003 a 29/03/2003
16/03/2003 a 22/03/2003
09/03/2003 a 15/03/2003
02/03/2003 a 08/03/2003
23/02/2003 a 01/03/2003
16/02/2003 a 22/02/2003
09/02/2003 a 15/02/2003
02/02/2003 a 08/02/2003
26/01/2003 a 01/02/2003
19/01/2003 a 25/01/2003
12/01/2003 a 18/01/2003
05/01/2003 a 11/01/2003
29/12/2002 a 04/01/2003
22/12/2002 a 28/12/2002
15/12/2002 a 21/12/2002
08/12/2002 a 14/12/2002
01/12/2002 a 07/12/2002
24/11/2002 a 30/11/2002
17/11/2002 a 23/11/2002
10/11/2002 a 16/11/2002
03/11/2002 a 09/11/2002
27/10/2002 a 02/11/2002
20/10/2002 a 26/10/2002
13/10/2002 a 19/10/2002
06/10/2002 a 12/10/2002
29/09/2002 a 05/10/2002
22/09/2002 a 28/09/2002
15/09/2002 a 21/09/2002
08/09/2002 a 14/09/2002
01/09/2002 a 07/09/2002
25/08/2002 a 31/08/2002
18/08/2002 a 24/08/2002




Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Pensar Enlouquece, Pense Nisto (versão original com legendas)
 tudo vai ser DiFeReNtE


Vote Pensar Enlouquece no iBest e faça um Inagaki mais feliz!

Pensar Enlouquece é Top 10 do iBest Blog 2004. Para o alto e avante: clique aqui e me ajude a chegar ao Top 3!