Pensar Enlouquece. Pense Nisto.



Conversas de boteco
(um post a la Zazoeira)

- Você não odeia essas pessoas que repetem a pergunta quando respondem?
- Se eu odeio pessoas que repetem a pergunta quando respondem? É claro!

* * *

- Se eu fosse você, trataria de me agarrar agora mesmo.
- Se eu fosse você, me suicidaria.

* * *

- Quantos anos você me dá?
- Trinta e sete...
- Errou. Trinta.
- ... mas com corpinho de trinta e seis...

* * *

- Bebida é uma merda.
- O que você faz neste bar então?
- Sei lá, é o vício. Devo ser um coprófilo enrustido.
- Que bosta.
- Rá, rá.

* * *

- Bundinha. Tem que ter bundinha.
- Prefiro peitões. Daqueles em que a gente enfia a cabeça no meio dos dois e faz blrlrrr com a boca.
- Necas. Peitões tem pouco prazo de validade.
- A vida não tem muito prazo de validade.
- Ih, sem papo-cabeça...

* * *

- Não me conformo. A Marta foi uma pessoa com tanta sorte na vida, e no entanto jamais foi capaz de perceber o quanto era feliz.
- Sim, é verdade. Que azarada, não?

* * *

- Admiro as pessoas que falam, porque elas têm a coragem de se expor ao julgamento prévio das pessoas.
- Sei.
- É como aqueles alunos que levantam a mão toda vez que o professor pergunta se alguém tem alguma dúvida. Quase sempre a dúvida de um é a dúvida de muitos outros.
- A-hã.
- De certa forma, são como porta-vozes daqueles que não tiveram coragem de se expressar. Dão a cara a tapa, ficam vulneráveis, arriscam-se ao julgamento alheio ou de fazer papel de palhaço em nome da minoria silenciosa.
- Tá, tá. Eu sei aonde você quer chegar. Mas precisava perguntar ao professor de biologia o que acontece se uma mulher peida durante o sexo anal?
- Porra, vai dizer que só eu tinha essa dúvida? Tudo bem, um herói nunca recebe o devido reconhecimento.
- A-hã.

* * *

- Chorei quando o Titanic começou a afundar.
- Pô, não conta o final do filme.

Escrito por Inagaki às 20h52
[ ] [ envie esta mensagem ]



Top 5 Começos de Romances:

- Quanto mais vou sabendo de ti, mais gostaria que ainda estivesses viva. Só dois ou três minutos: o suficiente para te matar. Merecias uma morte violenta. Se eu soubesse, não te tinha deixado suicidar com aquelas mariquices todas. Aposto que não sentiste quase nada. Não está certo. Eu não morri e sofri mais do que tu. Devias ter sofrido. Porque eras má. Eu pensava que não. Enganaste-me. Alguma vez pensaste no que isso representou na minha vida miserável? Agora apetece-me assassinar-te de verdade. É indecente que já estejas morta. - O Amor é Fodido, Miguel Esteves Cardoso.

- Você vai começar a ler o novo romance de Italo Calvino, Se um viajante numa noite de inverno. Relaxe. Concentre-se. Afaste todos os outros pensamentos. Deixe que o mundo a sua volta se dissolva no indefinido. É melhor fechar a porta; do outro lado há sempre um televisor ligado. Diga logo aos outros: "Não, não quero ver televisão!". Se não ouvirem, levante a voz: "Estou lendo! Não quero ser perturbado!". Com todo aquele barulho, talvez ainda não o tenham ouvido; fale mais alto, grite: "Estou começando a ler o novo romance de Italo Calvino!". Se preferir, não diga nada; tomara que o deixem em paz. - Se um Viajante numa Noite de Inverno, Italo Calvino.

- Encontraria a Maga? Tantas vezes bastara-me chegar, vindo pela Rue de Seine, ao arco que dá para o Quai de Conti, e mal a luz cinza e esverdeada que flutua sobre o rio me deixava entrever as formas, já sua delgada silhueta se inscrevia no Pont des Arts, por vezes andando de um lado para o outro da ponte, outras vezes imóvel, debruçada sobre o parapeito de ferro, olhando a água. E era muito natural eu atravessar a rua, subir as escadas da ponte, dar mais alguns passos e aproximar-me da Maga, que sorria sempre, sem surpresa, convencida, como eu, de que um encontro casual era o menos casual em nossas vidas e de que as pessoas que marcam encontros exatos são as mesmas que precisam de papel pautado para escrever ou que começam a apertar pela parte de baixo o tubo de pasta dentrifícia. - Jogo da Amarelinha, Julio Cortázar.

- Me chame de Ismael e eu não atenderei. Meu nome é Estevão, ou coisa parecida. Como todos os homens, sou oitenta por cento água salgada, mas já desisti de puxar destas profundezas qualquer grande besta simbólica. Como a própria baleia, vivo de pequenos peixes da superfície, que pouco significam mas alimentam. - O Jardim do Diabo, Luis Fernando Verissimo.

- Aos 16 anos matei meu professor de lógica. Invocando a legítima defesa - e qual defesa seria mais legítima? - logrei ser absolvido por cinco votos a dois, e fui morar sob uma ponte do Sena, embora nunca tenha estado em Paris. Deixei crescer a barba em pensamento, comprei um par de óculos para míope, e passava as noites espiando o céu estrelado, um cigarro entre os dedos. Chamava-me então Adilson, mas logo mudei para Heitor, depois Ruy Barbo, depois finalmente Astrogildo, que é como me chamo ainda hoje, quando me chamo. - A Lua Vem da Ásia, Campos de Carvalho.

Escrito por Inagaki às 04h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



Cenas Inesquecíveis - II

La belle Emmanuele.

Afirmar que Emmanuelle Béart é deslumbrante é incorrer em redundância. O que dizer, pois, de um filme no qual a atriz francesa interpreta a modelo vivo de um consagrado pintor, atuando nua durante quase todo o longa? A Bela Intrigante, adaptação de uma história de Honoré de Balzac dirigida por Jacques Rivette em 1991, não é um filme qualquer. A começar por sua duração: exatos 240 minutos. Não à toa, a sessão na qual o vi (no cine Belas Artes, em São Paulo, na época em que a sala ainda era sinônimo de boa qualidade - ou seja, há muiiiiiiitos anos) foi interrompida após duas horas: pausa para um cafezinho. Poderia ser uma obra maçante, modorrenta e verborrágica como 80% do cinema francês dito "de arte"; mas não o é. É bóbvio que a beleza mesmerizante de Béart ajuda a esquecer o passar do tempo. Mas também é preciso ressaltar as sólidas atuações de um evez pensaste no que isso representou na minha vida miserável? Agora apetece-me assassinar-te de verdade. É indecente que já estejas morta. - O Amor é Fodido, Miguel Esteves Cardoso.

- Você vai começar a ler o novo romance de Italo Calvino, Se um viajante numa noite de inverno. Relaxe. Concentre-se. Afaste todos os outros pensamentos. Deixe que o mundo a sua volta se dissolva no indefinido. É melhor fechar a porta; do outro lado há sempre um televisor ligado. Diga logo aos outros: "Não, não quero ver televisão!". Se não ouvirem, levante a voz: lenco que inclui ainda Michel Piccoli (o pintor que aparece na foto acima) e Jane Birkin, além da música de Igor Stravinsky e da direção segura de Rivette, um dos principais artífices da nouvelle vague. Mas, ah, a Emmanuele Béart...

Escrito por Inagaki às 22h26
[ ] [ envie esta mensagem ]



Bloglândia

- Grassam pela Web tupiniquim os blogs que aderem ao Movable Type como sistema de publicação de seus respectivos posts. A grande vantagem do MT é a estabilidade: ao contrário de serviços tradicionais como o Blogger ou o Weblogger, que vivem fora do ar, o MT fica instalado no mesmo servidor do seu site. Ou seja, você se livra da fatídica mensagem "este serviço está em manutenção e volta ao ar em instantes", e consegue publicar seus posts independentemente das variações de humor do site a que você recorre para atualizar o seu blog. Todas essas benesses possuem, no entanto, o seu preço: para usar o Movable Type você necessita registrar um domínio e contratar um provedor para a instalação de sua página.

Ao observar a quantidade crescente de usuários que recém-adquiriram seus próprios domínios (como nos casos de Paula Foschia, Paulo Polzonoff e André "Marmota"), o surgimento recente de pequenos "portais" que oferecem espaço a blogueiros de peso (Wunderblogs, Gardenal), de empresas que oferecem hospedagem e auxílio na criação de blogs (Festim, Vilago) e até mesmo de alguns webdesigners que oferecem a criação de templates personalizados mediante o pagamento de determinada taxa, sou tentado a dizer que a blogosfera tupiniquim começa a alcançar níveis profissionais. Falta, no entanto, a contrapartida fundamental: blogueiros que, além de gastar, também sejam efetivamente remunerados para escrever. Ao que me consta, este é um privilégio ainda restrito aos pioneiros abrigados pelo portal Terra: Daniela e Nelito.

- Outro dia me deparei com o blog do Olavo de Carvalho. Apesar de discordar veementemente de sua visão de mundo, e de o considerar um paranóico ao pior estilo Oliver Stone de ser, não dá para negar que o conhecimento sui generis de Olavo aumenta o nível das discussões da blogosfera brasileira. É preciso conhecer para depois criticar - obviedade esquecida por grande parte de seus detratores que jamais se deteve para ler um artigo de Olavo até o final, e o refuta por mera osmose e comodidade ideológica.

- Acrescentei ao frame à esquerda um novo bloco de links, d'além-mar, dedicado aos melhores sites portugueses que encontrei em minhas últimas navegações. "Minha língua é minha pátria".

Escrito por Inagaki às 01h01
[ ] [ envie esta mensagem ]

 
Meu perfil





BRASIL, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, English, Cinema e vídeo, Arte e cultura, Cortázar, Carl Barks, Beatles, Hitchcock
ICQ - 16223430



Meu humor



Histórico
25/01/2004 a 31/01/2004
18/01/2004 a 24/01/2004
11/01/2004 a 17/01/2004
04/01/2004 a 10/01/2004
28/12/2003 a 03/01/2004
21/12/2003 a 27/12/2003
14/12/2003 a 20/12/2003
07/12/2003 a 13/12/2003
30/11/2003 a 06/12/2003
23/11/2003 a 29/11/2003
16/11/2003 a 22/11/2003
09/11/2003 a 15/11/2003
02/11/2003 a 08/11/2003
26/10/2003 a 01/11/2003
19/10/2003 a 25/10/2003
12/10/2003 a 18/10/2003
05/10/2003 a 11/10/2003
28/09/2003 a 04/10/2003
21/09/2003 a 27/09/2003
14/09/2003 a 20/09/2003
07/09/2003 a 13/09/2003
31/08/2003 a 06/09/2003
24/08/2003 a 30/08/2003
17/08/2003 a 23/08/2003
10/08/2003 a 16/08/2003
03/08/2003 a 09/08/2003
27/07/2003 a 02/08/2003
20/07/2003 a 26/07/2003
13/07/2003 a 19/07/2003
06/07/2003 a 12/07/2003
29/06/2003 a 05/07/2003
22/06/2003 a 28/06/2003
15/06/2003 a 21/06/2003
08/06/2003 a 14/06/2003
01/06/2003 a 07/06/2003
25/05/2003 a 31/05/2003
18/05/2003 a 24/05/2003
11/05/2003 a 17/05/2003
04/05/2003 a 10/05/2003
27/04/2003 a 03/05/2003
20/04/2003 a 26/04/2003
13/04/2003 a 19/04/2003
06/04/2003 a 12/04/2003
30/03/2003 a 05/04/2003
23/03/2003 a 29/03/2003
16/03/2003 a 22/03/2003
09/03/2003 a 15/03/2003
02/03/2003 a 08/03/2003
23/02/2003 a 01/03/2003
16/02/2003 a 22/02/2003
09/02/2003 a 15/02/2003
02/02/2003 a 08/02/2003
26/01/2003 a 01/02/2003
19/01/2003 a 25/01/2003
12/01/2003 a 18/01/2003
05/01/2003 a 11/01/2003
29/12/2002 a 04/01/2003
22/12/2002 a 28/12/2002
15/12/2002 a 21/12/2002
08/12/2002 a 14/12/2002
01/12/2002 a 07/12/2002
24/11/2002 a 30/11/2002
17/11/2002 a 23/11/2002
10/11/2002 a 16/11/2002
03/11/2002 a 09/11/2002
27/10/2002 a 02/11/2002
20/10/2002 a 26/10/2002
13/10/2002 a 19/10/2002
06/10/2002 a 12/10/2002
29/09/2002 a 05/10/2002
22/09/2002 a 28/09/2002
15/09/2002 a 21/09/2002
08/09/2002 a 14/09/2002
01/09/2002 a 07/09/2002
25/08/2002 a 31/08/2002
18/08/2002 a 24/08/2002




Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Pensar Enlouquece, Pense Nisto (versão original com legendas)
 tudo vai ser DiFeReNtE


Vote Pensar Enlouquece no iBest e faça um Inagaki mais feliz!

Pensar Enlouquece é Top 10 do iBest Blog 2004. Para o alto e avante: clique aqui e me ajude a chegar ao Top 3!